Saltar al contenido
Curriculum Vitae Gratuito

Curriculum Vitae de Cabeleireiro | Trabalhar como cabeleireiro

É uma profissão apaixonante porque pode ter muitas oportunidades, desde montar seu próprio negócio até trabalhar no mundo do cinema, da televisão ou da moda. Isso sem falar nas tendências muito diversas nas quais você pode se especializar. Tudo isso acontece porque você sabe traduzir essas preocupações e habilidades para o seu currículo de cabeleireiro. Esperamos que nossos conselhos e informações possam ajudá-lo a conseguir isso.trabalhar como cabeleireira

O que faz um cabeleireiro?

Sim, é claro que um cabeleireiro é o profissional que trata do corte e do styling. Mas, seria injusto ficar com esta definição simples. Um verdadeiro profissional de cabeleireiro é conhecimento estético que servem para aconselhar cada cliente sobre o penteado que melhore a sua imagem. E, além disso, é capaz de detectar possíveis problemas de cabelopropondo as medidas e prestando os cuidados mais efetivos para resolvê-lo ou, pelo menos, evitar que se agrave.

Um capítulo à parte é protagonizado pelos cabeleireiros que se dedicam a caracterizar os atores para que representem fielmente os personagens de cada projeto. Nesses casos, você precisará de um conhecimento de estiloscortes e penteados que foram usados ​​em diferentes momentos da história e as capacidades técnicas para reproduzi-los.

Algo semelhante ao que os cabeleireiros que lidam com diferentes eventos, como desfiles de moda, devem fazer. Aqui eles devem dar forma às ideias imaginadas pelos designers para que o penteado seja um complemento para suas roupas.

Funções de um barbeiro

Para desempenhar todas essas funções, os cabeleireiros devem dominar certas técnicas. O essencial é, sem dúvida:

  • Lavar, cortar e modelar
  • Corantes e diferentes técnicas de coloração
  • Uso de diferentes aparelhos e equipamentos como: secadores, ferros, lâminas de barbear, barbeadores ou babyliss, para citar alguns dos mais comuns.
  • Mantenha-se atualizado sobre as inovações em tratamentos e produtos capilares
  • Gestão de perucas, postiços e extensões
  • Análise das características do cabelo e do estado em que se encontra
  • Conhecimento de estética para poder aconselhar sobre imagem pessoal

Estudos necessários para trabalhar como Cabeleireiro?

É evidente que quem pretende dedicar-se a esta profissão deve possuir uma Licenciatura Intermediária em Cabeleireiro. A forma mais comum de o conseguir é terminar os estudos do ESO e depois fazer os dois cursos deste ciclo de Formação Profissional.

Se não concluir o Ensino Obrigatório, pode aceder ao FB Básico e obter o Curso Técnico em Cabeleireiro e Cosméticos Capilares. Quando terminar, se quiser, pode continuar a formação no Grau Intermédio e posterior, ou se tiver o Bacharelato, aceder ao Grau Superior de Styling e Departamento de cabeleireiro.

O que deve conter o currículo de um cabeleireiro?

Em você currículo de cabeleireiro Você deve refletir o nível de estudos que obteve, além de toda a experiência de trabalho ou horas de estágio que completou. Mas, é muito importante que você reflita que está em constante processo de atualização de seus conhecimentos. Portanto, é fundamental que todos os cursos de especialização que você faz aparecem. Felizmente, existem inúmeras escolas e academias de prestígio que oferecem os mais variados cursos com avanços e inovações no mundo do Cabeleireiro.

Competências no currículo de um cabeleireiro

Por fim, não esqueçamos que os cabeleireiros trabalham para e com as pessoas. Isso significa que todas aquelas habilidades que melhoram sua capacidade de se relacionar e se conectar com seus clientes assumem um papel especial. É por isso que no seu currículo de Cabeleireiro é interessante que você destaque aspectos como:

  • Simpatia e tratamento requintado
  • capacidade comunicativa
  • tenha bom gosto
  • Apresentar uma aparência impecável
  • Destreza com as mãos, para não machucar ou atrapalhar ao trabalhar com o cabelo de seus clientes
  • Vocação e dedicação, porque cabeleireiro é uma profissão que exige muitas horas de trabalho.