O que deve ter o CV de um Designer de Interiores? Encontre um emprego fácil

Nossas casas sempre foram um dos nossos maiores focos de interesse. Ter uma casa original, confortável e que reflita a nossa personalidade é uma prioridade na hora de decorá-la. Mas, aproveite também as suas dimensões e transforme-o num espaço funcional. É neste momento que a profissão de designer de interiores entra em cena

Curriculum Vitae de Designer de Interiores

Todas essas perguntas são o que um designer de interiores valoriza ao projetar um projeto. Uma profissão em expansão, criativa e gratificante que ajudamos você a entender melhor.

Um designer de interiores é o mesmo que um designer de interiores, mas com um perfil diferente do de um mero decorador. É um profissional cujo objetivo é criar ambientes, tanto em uma casa particular quanto em uma empresa, um local ou um prédio de uso público.

O que faz um Designer de Interiores?

A tarefa do designer de interiores é, como já referimos, combinar as características físicas do espaço, a utilidade que lhe será dada e a preferências estéticas do cliente para conceber um projeto dotado de máxima coerência estética. E, claro, ajustando-se ao orçamento disponível. Porque é tempo de afirmar que recorrer a um designer de interiores não é um luxo demasiado caro, apenas ao alcance de poucos privilegiados.

Assim como outros profissionais, seu custo e o de seu trabalho se adaptam à disponibilidade financeira do cliente.

Funções de um designer de interiores

É importante diferenciar a figura de um designer de interiores da de um decorador, com quem muitas vezes se confunde. Para isso, nada mais prático do que entrar em detalhes sobre as funções do designer de interiores, que refletem perfeitamente o importante papel desses profissionais. Estes são os principais:

  • Conheça cada cliente e identifique suas necessidades e gosta.
  • Estude as condições físicas do espaço e suas possibilidades de adaptação às prioridades do seu proprietário.
  • Conselhos sobre materiais e diferentes opções de melhoriaincorporando os avanços e conceitos mais inovadores que contribuem para otimizar a segurança, o conforto e a estética daquela casa ou local.
  • Supervisionar todos os trabalhos e performances realizado para implementar o projeto projetado.
  • Mantenha uma comunicação fluida e constante com o cliente para que ele fique a par de todos os detalhes do seu projeto de reforma de interiores.

Estudos necessários para trabalhar como Designer de Interiores

No setor de design de interiores há uma concorrência significativa, entre outros motivos porque, infelizmente, ainda há muita intromissão. Para ocupar este cargo, bem como outras profissões, como advogado, arquiteto ou biólogo é necessário credenciar estudos universitários superiores

Se você realmente quer levar a sério sua carreira profissional como designer de interiores, é importante que você se prepare adequadamente.
Lembre-se que um designer de interiores não só decora, ele também deve ter a capacidade para empreender as reformas necessárias adequar o espaço aos objetivos estéticos e funcionais exigidos. Portanto, para começar, há uma Graduação em Design de Interioresa opção mais completa.

Outras possibilidades são chegar de um Formação superior em Arquitectura, Design Espacial, Ambiente ou Artes Plásticas.
Mas também pode aceder a partir de uma Licenciatura Intermédia em Design de Interiores que lhe permite as seguintes especialidades:

  1. Artes Plásticas e Design
  2. Arquitetura efêmera
  3. Gerenciamento de projetos e obras
  4. decoração de vitrine

Habilidades no currículo de um designer de interiores

Para além da formação académica intermédia ou superior, o currículo designer de interiores deve refletir seu domínio de certas ferramentas essenciais para poder criar um projeto de design de interioresprincipalmente os relacionados com a desenho e desenho 3D.

Por fim, existem habilidades que definem muito bem esses profissionais e é interessante que elas apareçam em um currículo de designer de interiores, como:

  1. criatividade
  2. sensibilidade estética
  3. domínio da história e as últimas tendências em decoração
  4. boas habilidades de desenho técnico e domínio do espaço
  5. capacidade de observação
  6. ser varejista
  7. liderança e trabalho em equipe, porque você terá que ser o elo entre as diferentes equipes de profissionais
  8. tolerância, empatia e boa comunicação

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Subir